VAMOS À PARIS !

Começar um blog de viagem por Paris não é nada mal, né? Eleita pela revista Forbes a primeira entre as 12 cidades mais bonitas do mundo (nem precisávamos da Forbes para saber disso), seguida por Vancouver - Sidney - Florença - Veneza - Cidade do Cabo - São Francisco - Chicago - New York - Londres - Cambridge - Tóquio. Quem sabe não continuo o diário por elas ?
Mais, d' abbord, On va à Paris, o que já é uma marravilha, com os seus cafés, museus, pontes, monumentos, champagnes,  entrecôtes, hummm !


Paris Torre Eiffel

Paris é a capital e a cidade mais populosa da França com seus quase 2,4 milhões de habitantes. Recebe perto de 60 milhões de turistas por ano, sendo que 350 mil são brasileiros e como disse Hemingway: "Paris é uma festa" mas é também chique, boêmia, intelectual, moderna, sensual, artística e ainda por cima estão lá: A Torre Eiffel, a catedral de Notre-dame, o Arco do Triunfo, o Rio Sena com as suas maravilhosas pontes, a Sacre-coeur e os cafés mais charmosos do globo, enfim, uma cidade  para todos: para quem tem grana, para quem vai com din-din curto, para os românticos, para os descolados, para os intelectuais, para os boêmios, para os artistas, para os gourmands, para os solteiros e para as crianças...


Triumphal Arch
Lulu e Rico felizes da vida no Arco do Triumfo!

A cidade está dividida em 20 "arrondissements" ou distritos ao redor do Rio Sena e conta com 14 linhas de metrô, mais 3 linhas de RER (trens regionais) que ligam a cidade aos arredores ("banlieue"). Mas prá mim, o ideal é descobri-la à pé, ou de ônibus de onde se pode apreciar a beleza da cidade durante o trajeto, o serviço é excelente e muito pontual. Apesar das 14 linhas, o metrô de Paris é super fácil e prático, dá prá se virar mesmo não sendo "habituées"! 
http://map.metro-passes.com/map_paris.htm.


Quai D'Orleans
O cais D'Orleans no 4º Arrondissement

Além dos pontos turísticos tradicionais: Torre Eiffel - Arco do Triunfo, Louvre, Madeleine, Place de la Concorde, etc, não deixe de ir à St. Germain sem pressa e sentar-se num dos seus cafés (adoro o Deux Magots e o Café Flore) para ver a vida passar, estique com um pic-nic no Jardim de Luxemburgo, ou um almoço na tradicional "Brasserie-Lipp", e se der separe um dia para descobrir o "Marais" com sua efervescência irreverente, é um bairro super animado, principalmente à noite.


Parisian Cafes
Adoro os cafés de Paris - Aqui em St.Germain no lendário Les Deux Magots

Montmartre Paris
Montmartre com as suas escadarias e a Sacre-coeur: IMPERDÍVEL ! Vale à pena esperar anoitecer para ver as luzes de Paris se acenderem, assim como a basílica iluminada, eu prefiro chegar na estação de metrô "Blanche" ao invés da tradicional "Anvers", e caminhar pelas ruas do bairro, começando pela Rue Lepic e seus vários cafés e restaurantes que valem um delicioso almoço,  nesse caminho (15, Rue Lepic) o "Café des Deux Moulins" do filme "O fabuloso destino e Amelie Poulain".



Quando estiver no Opera Garnier, não deixe de ir ao Café de la Paix, não é dos mais baratos, mas vale à pena um brinde, afinal de contas, estamos em Paris! 

Não é necessário visto, mas a França exige: comprovante de estadia, seguro viagem com cobertura de € 30 mil, comprovante de renda com valor não estabelecido (valor em cash, travellers checks e cartões de crédito, etc)

Share:

0 comentários

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...